Novidades Tecnologicas para o setor Sucroalcooleiro

12/9/2006

A empresa Advel Tecnologia apresenta as novidades em tecnologia da manutenção mecânica para o setor sucroalcooleiro:

  1. Recuperação com repotenciação de engrenagens volandeiras com cálculos prévios para a determinação dos reforços dos anéis, e da nova capacidade de moagem.
    Este serviço já foi feito para a usina MB na recuperação de cinco engrenagens volandeiras consideradas perdidas, e com a aplicação deste processo de recuperação com repotenciação, feita a mais de oito safras, além de torná-las novamente operacionais, ainda houve aumento da moagem por safra, continuando em boa forma para as safras vindouras. Nesta safra, nova recuperação com repotenciação foi feita para Destilaria Libra Ltda em cinco volandeiras.

  2. Desenvolvimento e aplicação de materiais não metálicos para mancais em geral.
    Vêm sendo aplicado com sucesso, também em usinas e destilarias do setor sucroalcooleiro na restauração de peças atritantes onde os valores após a polimerização são mais de dez vezes superiores aos valores deslizantes do Bronze. O uso deste polímero garante uma vida útil maior dos equipamentos, por um custo benefício insuperável no mercado.

  3. Recuperação de trincas em balões de caldeiras.
    Feito pelo processo patenteado de "Restauração Metálica", onde as soldagens tem controles dimensionais rígidos, gerando também um alivio das tensões destas, a baixa temperatura, não interferindo no recravamento das bocas do feixe tubular, com o costado do balão.
    O primeiro balão recuperado foi em 2002 para a Bahia Sul Celulose, de uma caldeira de 200ton/h de vapor a 100Kg/cm ² de pressão estando em operação já por 4 anos e seguramente não apresentará mais problemas desta origem nos locais recuperados.
    Para o setor sucroalcooleiro, já recuperamos trincas em balões de Caldeira da Usina Rafard -Grupo Cosan, um balão e já na terceira safra após recuperação, e da Usina Central do Paraná, três balões, já na segunda safra.

  4. Desmontagem e montagem de rodetes nos eixos de moendas, sem danificações superficiais tanto num como noutro.
    Estas desmontagens e montagens serão feitas nas usinas, e muito rapidamente, atendendo todas elas num curto espaço de tempo, preservando as condições superficiais de ambas as peças, e garantindo com isto melhor qualidade e maior preservação de ambas.
    Este processo de desmontagem e montagem também se aplica, a outros conjuntos de peças, montados com interferência mecânica, quaisquer que sejam as suas dimensões.